O que os rótulos não informam sobre sucos industrializados

- 05 de Novembro de 2021

É só abrir a caixinha e tomar. Parece uma ótima opção por ser mais prático, mas será que o suco industrializado é a escolha mais saudável para o dia a dia? 

A indústria usa várias tecnologias para produzir, embalar e conservar os sucos de fruta que nós vemos nas prateleiras de supermercados, lojas de conveniência e até em restaurantes e lanchonetes.

Todos esses processos devem estar no rótulo das embalagens, mas muitas vezes a informação não é apresentada de forma clara para o consumidor, já que muitos não estão familiarizados com os termos e especificações técnicas.

Mas é justamente essa informação que pode ser decisiva na hora de escolher a opção mais saudável e adequada a uma dieta equilibrada.

Por exemplo, você sabe o que quer dizer “suco reconstituído”? Qual o processo que a bebida passa para ter o prazo de validade estendido e durar nas prateleiras sem refrigeração?

As bebidas que apresentam 70%, 50% de suco natural são compostas de quê além da polpa natural da fruta?

Todas essas respostas são encontradas nos rótulos, mas não de forma que o consumidor consiga ter uma noção real sobre o que está tomando.

Por isso é importante esclarecer algumas informações.

Suco concentrado x Suco Reconstituído 

O suco concentrado passa por um processo que tira toda a sua água, por isso ele é mais pastoso e denso. O procedimento acaba retirando parte dos nutrientes e do sabor da bebida. Por isso, é acrescentado aromatizantes e conservantes ao produto.

O reconstituído é feito a partir do concentrado. Também passa por um processo de desidratação para aumentar o prazo de armazenamento, mas é dissolvido em água para o consumo final.

Sucos Industrializados x  Sucos frescos e naturais

Além dos processos químicos aos quais os sucos industrializados são submetidos, o consumidor deve também se preocupar com os aditivos que estão na composição dessas bebidas.

A quantidade de açúcar, os aromatizantes e conservantes necessários para manter os sucos nas prateleiras são fatores que comprometem os benefícios.

Além disso, nem sempre a única fruta utilizada é a apresentada na embalagem. Muitas vezes é acrescentado suco  de maçã para baratear e adoçar o produto.

Por isso, é sempre mais confiável e vantajoso, do ponto de vista nutricional, consumir sucos 100% naturais e feitos na hora.

Só assim é possível garantir todos os nutrientes (vitaminas, fibras, antioxidantes e etc) e aproveitar o frescor da fruta.

O suco natural da fruta também têm menos calorias que a maioria dos sucos industrializados, contribuindo para uma dieta equilibrada.

Oferecer suco 100% natural de laranja, portanto, passa a ser um diferencial competitivo para os estabelecimentos que querem atrair mais clientes que desejam mais sabor e saúde ao mesmo tempo.